top of page

Autoridade do Porto de Roterdã assina acordo de investimento para participação no Porto de Pecém

No dia 24 de outubro, Allard Castelein, CEO da Autoridade do Porto de Roterdã, e Camilo Santana, governador do estado do Ceará, assinaram um acordo de investimento relativo à participação da Autoridade do Porto de Roterdã no desenvolvimento do porto de Pecém. O acordo estabelece como a Autoridade do Porto de Roterdã investirá cerca de 75 milhões de euros no complexo portuário-industrial de Pecém, constituindo 30% das ações deste empreendimento. Além disso, a Autoridade do Porto de Roterdã ganhará uma palavra conjunta nas decisões estratégicas e de investimento, além de representação no Conselho Executivo, no Conselho de Supervisão e na administração do porto brasileiro.


Allard Castelein, CEO da Autoridade do Porto de Roterdã, e Camilo Santana, Governador do estado brasileiro do Ceará, assinam um acordo de investimento com relação à participação da Autoridade do Porto de Roterdã no desenvolvimento do porto de Pecém.

Os sócios esperam concluir o acordo definitivo de participação antes do final de 2018. CEO da Autoridade do Porto de Roterdã, Allard Castelein: “Nossa participação no porto de Pecém é uma grande oportunidade. Este porto tem um claro potencial de crescimento e sua situação estratégica lhe dá uma posição forte para se desenvolver no centro industrial e logístico mais importante do Nordeste do Brasil. Isso, por sua vez, criará novas oportunidades para fluxos de comércio internacional e investimentos da Europa."



Pecém como um hub para o nordeste do Brasil


Com um crescimento médio de 22% na última década, o Pecém está se desenvolvendo em ritmo acelerado. O complexo portuário-industrial de Pecém é o lar de inúmeras instalações industriais e de logística, incluindo um terminal de contêineres, usinas elétricas, uma usina siderúrgica e fabricantes de turbinas eólicas. Outra característica adicionando apelo ao Pecém é que uma grande parte da infraestrutura necessária para o complexo portuário-industrial (quebra-mares, ancoradouros, terra, etc.) já foi desenvolvida.



Recentemente, o estado do Ceará investiu em diversas parcerias internacionais com o objetivo de desenvolver ainda mais a região como um centro de conexões internacionais para o Nordeste do Brasil. Por exemplo, a empresa alemã Fraport opera o aeroporto de Fortaleza e, em maio de 2018, a companhia aérea Air France / KLM estabeleceu uma conexão com esse aeroporto em parceria com a GOL. Além disso, o estado está instalando cabos de dados subaquáticos para telecomunicações que conectam o Nordeste do Brasil com a África e os EUA. A nova parceria com a Autoridade do Porto de Roterdã permite que o Pecém se transforme no principal hub marítimo do Nordeste do Brasil.



Autoridade do Porto de Roterdão como parceiro estratégico


Camilo Santana, Governador do estado brasileiro do Ceará, está satisfeito: “Estamos celebrando a parceria entre o Governo do Ceará e o Porto de Roterdã, o maior porto da Europa e um dos maiores portos do mundo. Estou absolutamente convencido de que o povo cearense se beneficiará mais dessa parceria, com mais oportunidades de emprego e renda ”.




11 visualizações
bottom of page